NARCÓTICOS ANÓNIMOS
Região Portuguesa

Meditação do Dia

Terça, 21 de Abril de 2015


Medo
"Chegámos à conclusão de que não tínhamos outra escolha senão mudarmos completamente as nossas velhas maneiras de pensar ou então voltávamos a usar." Texto Básico, p. 26

Muitos de nós descobriram que as suas velhas formas de pensar eram dominadas pelo medo. Tínhamos medo de não conseguir arranjar as nossas drogas, ou de que elas não fossem suficientes. Tínhamos medo de ser descobertos, de sermos presos, de irmos para a cadeia. Mais abaixo na lista estavam os medos de problemas financeiros, de não termos casa, de uma "overdose", de doenças. E o nosso medo controlava as nossas acções. Os primeiros tempos em recuperação não eram muito diferentes para muitos de nós; era, também nessa altura, o medo a dominar os nossos pensamentos. "E se estar em recuperação trouxer muita dor?", perguntávamos a nós mesmos. "E se eu não conseguir? E se as pessoas em NA não gostarem de mim? E se NA não resultar?" 0 medo por detrás destes pensamentos pode ainda controlar o nosso comportamento, impedindo-nos de tomar os riscos necessários para nos mantermos limpos e crescermos. Pode parecer mais fácil resignarmo-nos à certeza de que vamos falhar, desistindo antes mesmo de começarmos, em vez de arriscarmos tudo com base numa réstia de esperança. Mas esse tipo de pensamento apenas leva à recaída. Para nos mantermos limpos, temos de encontrar a boa-vontade para mudar as nossas velhas formas de pensar. Aquilo que resultou para outros adictos pode resultar para nós - mas temos de estar dispostos a arriscar. Temos de substituir as nossas dúvidas, velhas e cínicas, por novas afirmações de esperança. Quando fazemos isso, veremos que vale a pena arriscar.

Só por hoje: Rezo pela boa-vontade para mudar as minhas velhas formas de pensar, e pela capacidade para ultrapassar os meus medos.

Deseja receber as Meditações diáriamente no seu email?

E-mail:    Subscrever   Remover  
© Só por hoje - Meditações diárias para adictos em recuperação
ISBN 1-55776-426-3 Portuguese 2/03
Associação Portuguesa de Narcóticos Anónimos
Copyright (c) 2003, NA World Services, Inc. Reprinted by permission. All rights reserved