NARCÓTICOS ANÓNIMOS
Região Portuguesa

Iniciando uma reunião de NA

(Este artigo foi extraído do NA Update do mês de abril de 1995)
Você está intrigado pelo que ouviu falar ou leu sobre Narcóticos Anónimos. Você acredita no valor terapêutico de adictos a drogas ajudando outros adictos, e você aprecia a forma como NA se estrutura e apoia este tipo de interacção. A simplicidade de Narcóticos Anónimos chama sua atenção em função de sua organização voluntária mínima, das salas de reunião alugadas, sua mínima organização voluntária, de seu compromisso de auto-suficiência, de como cuida de seus próprios assuntos, e de seu programa não profissional, sem contribuições obrigatórias ou taxas.

Mas e se não houver Narcóticos Anónimos na sua comunidade?

Se não houver reuniões na sua comunidade, gostaríamos de sugerir que você comece uma. É um processo complicado? De maneira nenhuma. Para que o processo seja sempre simples, preparamos um manual e uma lista de verificação de actividades para a abertura de novos grupos de NA. Este material está disponível no nosso Escritório Mundial de Serviços (WSO), gratuitamente.

O livreto "Sobre o Grupo" e o folheto "O Grupo" são a principal fonte de consulta para a organização, condução, manutenção de uma reunião de Narcóticos Anónimos. Preparamos também uma lista de verificação dos detalhes mais importantes a serem pensados antes da abertura de uma nova reunião de NA. O livreto "Sobre o Grupo", o folheto "O Grupo", a lista de verificação para novos grupos, e um kit inicial de literatura de NA são fornecidos gratuitamente para aqueles que estão abrindo novos grupos.

Profissionais normalmente encontram três desafios quando abrem reuniões. Gostaríamos de oferecer algumas sugestões para lidar com eles. Primeiro, um grupo que tenha sido iniciado por profissionais é facilmente confundido com a instituição da qual fazem parte estes profissionais caso não haja distinção entre eles. O problema é que este facto coloca em lados opostos as duas forças que estão por traz do crescimento de NA no mundo inteiro: sua independência e sua tradição de auto-suficiência.

Caso haja reuniões de NA em centros de tratamento, será de grande ajuda enfatizar as diferenças entre os dois, fazendo com que Narcóticos Anónimos seja visto pelos adictos frequentadores das reuniões como uma organização independente e não apenas como uma extensão do programa do centro de tratamento. Quando o centro de recuperação inicia uma reunião, é sugerido aos profissionais que deixem as reuniões a cargo dos próprios adictos em recuperação que estejam envolvidos com o novo grupo de NA, o mais rápido possível, dando assim a chance para que a nova engrenagem local de Narcóticos Anónimos continue sua tradição de "adictos ajudando adictos."

Um segundo desafio que algumas vezes é enfrentado por profissionais quando iniciam reuniões, se refere a tradução da literatura de Narcóticos Anónimos. A mensagem de NA está contida e é transmitida através de sua literatura. Se não há literatura de NA publicada no idioma falado na sua comunidade, você ficará ansioso para que o processo de tradução comece o quanto antes. Nosso interesse fundamental é que a equipa de tradução do nosso Escritório de Serviço Mundial (WSO) seja contactada, no início ao invés de no final do processo de tradução, para que possamos optimizar a assistência na solução de problemas que surgem em diferentes estágios de todo projecto de tradução.

O terceiro e último desafio que profissionais enfrentam quando iniciam reuniões, na nossa experiência, diz respeito às diferenças entre NA e outras entidades similares ou organizações relacionadas, especialmente Alcoólicos Anónimos. Isto é bastante natural, considerando que Narcóticos Anónimos desenvolveu-se a partir de A.A. e estruturou seu programa de recuperação de adicção às drogas nos Doze Passos de A.A. Entretanto, NA é um programa que é diferente do programa de A.A.; NA oferece recuperação da adicção a todas as drogas, enquanto A.A. se foca exclusivamente na recuperação do alcoolismo. Acreditamos ser útil ao adicto procurando por recuperação que faça a distinção entre Alcoólicos Anónimos e Narcóticos Anónimos, assegurando ao adicto o auxílio necessário, para que não haja confusão sobre os serviços de cada irmandade.

Para maiores informações sobre como iniciar uma nova reunião de Narcóticos Anónimos, por favor entre em contacto com a Associação Portuguesa de Narcóticos Anónimos (Escritório de Serviço Português), Apartado 526 EC - 2796-801 Carnaxide. Email: apna@na-pt.org
Contacto para Profissionais e Instituições: 93 175 12 41